sábado, 4 de setembro de 2010

Novo Livro Preces

Caríssimos,
Convido a todos a baixarem o novo livro de orações de nosso blog.
Está em formato para impressão e seu tamanho original segue a capa para cortes na copiadora. Encadernem e façam bom uso.

quarta-feira, 24 de março de 2010

Exemplo para se aproximar do sacramento da Penitência

Abençoa-me padre porque pequei.

Eu, (nome), grande pecador , confesso ao Senhor meu Deus Jesus Cristo e a ti Reverendo Padre, todos os meus pecados que cometi especialmente desde minha última confissão e em todos os dias de minha vida, por ação, palavras ou pensamentos, por vontade ou contra a vontade.

Pequei pela falta de agradecimento ao Senhor meu Deus pela grande misericórdia que Ele tem comigo em dar-me tudo o necessário para a minha vida, sem que eu o mereça.

Pequei pela quebra das promessas do Santo Batismo, pela falta de amor a Deus e ao próximo.

Pequei pela falta da fé, pela preguiça de rezar na Igreja e em casa e pela falta de atenção nas orações.

Pequei pela falta de respeito aos pais e aos mais velhos, queixas, desordem, soberba, amor próprio, conversas levianas discussões e mentiras.

Pequei pelo sacrilégio, juramento inútil e em falso, riso, julgamento dos outros, calúnia, aborrecimentos, pelas palavras ruins, ofensa, impaciência, falta de ânimo, cólera, raiva, pela conservação das ofensas na memória, inveja e ódio.

Pequei pela vingança, pelos enganos, preguiça, malandrice, avareza, amor ao dinheiro, roubo, por excesso em comida e em bebida, pela inabstinência da carne e de produtos proibidos na quaresma e nas quartas e sextas feiras.

Pequei pelos maus pensamentos, com a vista, ouvido, olfato, paladar, tato e com todos os demais sentidos.

Também cometi os seguintes pecados .....

De tudo me arrependo e declaro-me culpado perante o Senhor meu Deus, proponho firmemente não mais voltar a cometer estes pecados e a evitar as ocasiões de tentação.

Peço perdão a Deus e a vós, reverendo Padre, a absolvição, e se porventura esqueci de confessar algum pecado, também peço a Deus perdão.

Abençoa-me, Padre, perdoa-me e ora por mim pecador.

(adaptado de um texto ortodoxo)

sábado, 20 de fevereiro de 2010

Regras para o jejum da Quaresma

Para a Quaresma os católicos tradicionais devem jejuar do seguinte modo:

(C.D.C. 1917)

Jejum Simples:

Uma refeição completa e duas menores, que juntas são menos que uma refeição inteira. Comer entre as refeições não é permitido, mas líquidos podem ser tomados. Carne pode ser ingerida num dia de jejum simples. Os dias de jejum simples são: segundas, terças, quartas e quintas-feiras da Quaresma. [Cânon 1252/3]

Todos são vinculados à lei do jejum desde completarem os 21 anos até os 60.

Jejum e Abstinência:

O jejum e abstinência consistem numa refeição completa e duas refeições menores que juntas são menos que uma refeição inteira. Não é permitido comer carne vermelha, molhos e sopas de carne. Não é permitido comer entre as refeições, embora bebidas possam ser tomadas. Esses dias são: quarta-feira de cinzas, toda sexta e sábado da Quaresma (até meia noite no Sábado Santo), em cada uma das Quatro Têmporas, Vigília de Pentecostes, Assunção, Todos os Santos e Natal. [Cânon 1252/2]

Os dias tradicionais de abstinência aos que usam o Escapulário de Nossa Senhora do Monte Carmelo são Quartas e Sábados.

Abstinência de Carne:

A abstinência consiste em abster-se de comer carne vermelha, molhos ou sopa de carne, nos dias de abstinência. A abstinência é em todas as sextas-feiras, a não ser que sexta-feira seja um Dia de Guarda [cânon 1252/4]. A lei da abstinência vincula a todos que tenham completado 7 anos de idade. [Cânon 1254/1].

Adaptado de Fratres In Unum

Fonte: The year of Our Lord Jesus Christ 2009, The Desert Will Flower Press.

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

Dias de Jejum e Abstinência no Brasil

Em virtude do Indulto Apostólico decenal de 2 de dezembro de 1929, são os seguintes:

1. Dias de jejum com abstinência de carne:
1.1 Quarta-feira de Cinzas;
1.2 Todas as sextas-feiras da Quaresma.

2. Dias de jejuns sem abstinência de carne:
2.1 As quarta-feiras da Quaresma;
2.2 Quinta-feira da Semana Santa;
2.3 Sexta-feira das Têmporas do Advento.

3. Dias de abstinência de carne sem jejum:
3.1 As vigílias do Espírito Santo, da Assunção de Nossa Senhora, de Todos os Santos e de Natal.